6 mins read — Apr 14, 2020

COVID-19: Conheça a Plataforma Digital Que Beneficiará 30 Milhões de Brasileiros

News

by Lucia Fallavena

COVID-19: Conheça a Plataforma Digital Que Beneficiará 30 Milhões de Brasileiros

COVID-19 Materiai (8).png

Criação da Rocket.Chat em parceria com empresas, plataforma de inteligência artificial e tele-orientação visa a combater o vírus de modo acessível e seguro.

A chegada do COVID-19 ao Brasil trouxe um grande desafio a estados, prefeituras e governo federal: otimizar o atendimento à população, sem sobrecarregar o sistema de saúde e reduzindo o ritmo de contágio.

O que é a Plataforma de Atendimento Digital da Rocket.Chat?

national-cancer-institute-NFvdKIhxYlU-unsplash (1).jpg

Tele-orientação: Mais Segurança no Combate ao COVID-19

Por meio de uma estratégia multicanal, a Rocket.Chat, em parceria com mais empresas, criou uma plataforma de atendimento digital focada em entregar serviços como triagem, orientação e até orientações de saúde online.

A plataforma tem como objetivo:

Principais Benefícios:

✔️ Prevenção, triagem e atendimento ágil Atendimentos de centenas de milhares de pessoas através de múltiplos canais, sistema de saúde “desafogado” e profissionais da saúde protegidos com distanciamento social.

✔️ Rápida Implementação Até 5 dias: esse é o período necessário para estados e municípios terem o sistema pronto.

✔️ Alto Nível de Segurança & Privacidade

Construída em ambiente testado e licenciado pela Amazon, a solução segue padrões internacionais de criptografia de dados e privacidade de informações. Ao fim, toda informação fica armazenada em servidores individualizados, por Estado ou Município, no Brasil

Como funciona?

Construída através de um sistema open-source (com código aberto e flexível para integrações), a plataforma de comunicação adaptável para o sistema de saúde de municípios e estados com população superior a 500 mil habitantes.

Assista ao vídeo com mais detalhes sobre a plataforma:

Etapa 1) Implementação do Sistema

Sem necessidade de proficiência digital ou disponibilidade de hardware. Pode ser personalizado e configurado de acordo com os recursos e preferência de cada cidade.

Etapa 2) Estados e Municípios divulgam número para atendimento

Pode ser feito via Whatsapp, Facebook e inserindo o live chat em seus websites. Nenhum dado público é necessário além do número do estado ou prefeitura para contato da população; com o decorrer do projeto, integrações e adições de dados podem ser feitas.

Etapa 3) Plataforma faz a triagem da população

Através do recurso omnichannel, que permite que pessoas contatem a plataforma como preferirem. Exemplo: via site ou Whatsapp.

Etapa 4) Bela, o bot desenvolvido pela Ilhasoft, gerencia as conversas na plataforma

9.gif

Desenvolvido em conformidade com protocolos de atendimento da OMS e projetos em várias regiões com a Unicef, Bela categoriza cada paciente de acordo com as respostas das perguntas através da interação anterior.

Etapa 5) Encaminhamento de acordo com os sintomas

COVID-19 Materiai (8)-a413f8.png

Se os sintomas forem graves, um humano passa atendê-lo e faz uma nova triagem para entender níveis de risco de contágio.

Etapa 6) Vídeo-chamada com o médico é agendada (através de um link enviado ao cidadão).

COVID-19 Materiai (3).png

Etapa 7) A vídeo-consulta é gravada e dados disponibilizados para consultas futuras.

Todo o sistema possui perfis para auditoria, controles internos e seguro armazenamento conforme as leis de proteção de dados e privacidade.

Etapa 8) Identificação única e histórico de cada pessoa

1.gif

Através de um sistema de CRM, desenvolvido pela Konecty, Bela continua monitorando perfis, mesmo após atendimento:

Etapa 9) O CRM permite gestão completa de crise

Através de dashboards, análise de riscos por micro-região e ações de prevenção pelos especialistas em gestão pública da EloGroup.

Como isso auxilia o sistema de saúde?

national-cancer-institute-XNtFXcSgLB8-unsplash (1).jpg

Além de mapear pessoas contaminadas, a plataforma traz benefícios como:

✔️Reduzir custos de atendimento e superlotação em hospitais/postos de saúde

✔️Diminuir a velocidade e evitar riscos de contaminação

✔️Proteger profissionais da saúde, desafogando o sistema de saúde

✔️Fornecer uma série de análises para subsidiar o processo decisório da sala de situação, tal como: identificar as áreas de hotspot, tendências de disseminação do vírus, projeção de avanço, entre outros.

✔️Permite automatizar campanhas para pessoas de acordo com risco/grupos/região, facilitando e agilizando a comunicação.

“É mais um canal de comunicação para a população. Tudo isso para que os cidadãos possam receber orientação sobre qual o momento correto para procurar uma unidade de saúde”

Camilo Santana, Governador do Ceará

Quanto tempo dura a implementação?

Todo o sistema está pronto para ser implantado em menos de 5 dias, de forma escalável, para centenas de milhares de pessoas com apoio da Amazon Brasil.

Qual o volume de pessoas impactadas e em quanto tempo?

Em média, de 2% a 5% da população nos Estados e de 5% a 15% nos municípios médios, no entanto, esses percentuais dependem da divulgação feita sobre o telefone de contato e serviço a população.

Qual a capacidade de atendimentos da plataforma?

Pensada para atender mais de 100.000 consultas sobre dúvidas, triagem e apoio, a plataforma é escalável caso necessário.

Após a implementação, como os dados são tratados?

Alta privacidade de dados é um dos grandes benefícios desse projeto, e isso vale integralmente após o projeto estar funcionando. Graças ao tratamento de dados dado pela Konecty:

youtube (3).png

Para mais informações, envie-nos uma mensagem aqui.

Share article

Related Articles View all